Pro Roma Mariana

Fátima e a Paixão da Igreja

São Miguel Arcanjo, protegei-nos nesse combate!

SÃO MIGUELPENITÊNCIA! PENITÊNCIA! PENITÊNCIA!

O Portugal e o Brasil são as únicas nações cujos povos ainda festejam seu Anjo protetor, atualmente 10 de junho.Quem seria este Anjo ou Arcanjo?Sabemos que um anjo foi precursor das aparições de Nossa Senhora de Fátima em 1916, e por três vezes: no verão, na primavera e no Outono, quando trouxe a comunhão aos pastorinhos.

Eu sou o Anjo da Paz” disse antes e depois, “Eu sou o Anjo de Portugal”.

O canonico Barthas interrogou a vidente Lúcia para saber se eram dois anjos. Soube então que eram uma só pessoa que aparecia como um jovem (sem asas).

Ora, também à santa Joana d’Arco apareceu o Anjo protetor do Reino da França.

Mas este disse o seu nome: “Eu sou Miguel”.

São Miguel. A Escritura apresenta-nos como o Príncipe das milícias celestes o defensor da glória do Senhor. Lemos no Apocalipse: “Houve uma batalha no céu: Miguel e os seus Anjos guerrearam contra o dragão. O dragão batalhou, justamente com os seus Anjos, mas foi derrotado e não se encontrou mais um lugar para eles no céu” (Apoc. 12, 7-8).

Miguel é o anjo do Povo de Deus, o seu Defensor no tempo da angústia (Dan 10,12-21). “Naquele tempo surgirá Miguel, o grande príncipe, constituído defensor dos filhos do teu povo e será tempo de angústia qual jamais houve” (Dan 12,1)

A Igreja é o novo Israel, o povo de Deus, Miguel é chamado a defendê-la contra os seus inimigos internos e externos. Vivemos um tempo quase apocalíptico, em que o “Dragão” e a apostasia se apoderam de muitas almas e querem sacudir o edifício da Igreja. Por isso, mais necessária se torna a intervenção do chefe das milícias celestes e protetor da Santa Igreja. O Papa Leão XIII mandou rezar no fim da missa uma oração a S.Miguel Arcanjo, príncipe das milícias celestes, para nos proteger no combate contra Satanás e os outros espíritos malignos que vagueiam pelo mundo para perder as almas. Esta prática esteve em vigor durante mais de 100 anos.

São Tomás de Aquino, referindo-se ao profeta Daniel, deduz que as Nações como as pessoas, têm um guardião espiritual do Coro dos Principados.

É o que o Portugal sempre celebrou como festa litúrgica, pelo menos desde 1514.

A devoção a S. Miguel é, portanto, profundamente católica e lembrada pelos Papas.

A SÃO MIGUEL ARCANJO.

Gloriosíssimo Príncipe da Milícia Celeste, São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate ena luta contra os principados eas potestades, contra os dirigentes deste mundo de trevas, contra os espíritos malignos espalhados pelos ares. (Ep. VI) Vinde em socorro dos homens que Deus criou imortais efez à imagem da sua própria natureza, e resgatou por grande preço da tirania do demônio. (Sap. 11, I. Cor. VI)

Combatei hoje, com o Exército dos Anjos bons, o combate do Senhor, assim como outrora lutastes contra Lúcifer, chefe do orgulho, e contra os anjos apóstatas; e não prevaleceram nem foi mais encontrado o lugar deles no Céu. Mas foi expulso aquele grande dragão, a antiga serpente, que se chama diabo e satanás, que seduziu todo orbe; e foi lançado na terra, e seus anjos juntamente com ele. (Apoc. XII).

Eis que o inimigo antigo e homicida se ergueu com veemência.

Transfigurado em anjo da luz, com toda caterva de espíritos maus, circundou e invadiu toda a terra, para que nela destruísse o nome de Deus e de Seu Cristo, e roubasse as almas destinadas à coroa da glória eterna, e as prostrasse e as perdesse na morte eterna.

O dragão maldito transvasou, como riu imundíssimo, o veneno de sua iniqüidade em homens depravados de mente e corruptos de coração; incutiu-lhes o espírito de mentira, impiedade, blasfêmia, e seu hálito mortífero de luxúria, de todos os vícios e iniqüidades.

As hostes astuciosíssimas encheram de amargura a Igreja, Esposa Imaculada do Cordeiro, e inebriaram-na com absinto; puseram-se em obras para realizar todos os seus ímpios desígnios.

Ali onde está constituída a Sede do Beatíssimo Pedro, e Cátedra da Verdade para iluminar os povos, aí colocaram o trono de abominação da sua impiedade, para que, ferido o Pastor, dispersassem as ovelhas.

Vinde, pois, General invictíssimo, e dai a vitória ao povo de Deus, contra as perversidades espirituais que irrompem. A Santa Igreja vos venera como seu guarda e protetor, vos glorifica como o defensor contra as potestades abomináveis da terra e dos infernos; confiou-vos o Senhor a missão de introduzir na felicidade celeste as almas resgatadas. Rogai, pois, ao Deus da paz que esmague satanás sob nossos pés, a fim de que ele não mais possa manter cativos os homens e fazer mal à Igreja. Apresentai ao Altíssimo as nossas preces, a fim de que sem tardar o Senhor nos faça misericórdia, e vós contenhais o dragão, a antiga serpente, que é o demônio e satanás, e o lanceis encadeado no abismo para que não mais seduza as nações (Ap 20).

Desde já, confiados em vossa assistência e proteção, (com a sagrada autoridade de nosso ministério), empreendemos com fé e segurança repelir os assaltos da astúcia diabólica, em nome de Jesus Cristo Deus e Senhor

V. Eis a Cruz do Senhor, fugi potências inimigas.

R. Vence o Leão da tribo de Judá, a estirpe de David.

V. Venha a nós, Senhor, a vossa misericórdia.

R. Como esperamos em Vós.

V. Senhor escutai minha oração.

R. E chegue até a Vós o meu clamor.

(V. O Senhor esteja convosco.

R. E com vosso espírito).

OREMOS

Deus e Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, invocamos o Vosso Santo Nome, e, suplicantes, pedimos com instância a Vossa clemência, para que, pela intercessão da imaculada e sempre Virgem Maria Mãe de Deus, ao Bem-Aventurado Miguel Arcanjo, de São José, Esposo da mesma Bem Aventurada Virgem, dos Bem-Aventurados Apóstolos Pedro e Paulo e de todos os Santos, Vos digneis auxiliar-nos contra satanás e todos os outros espíritos imundos que vagueiam pelo mundo para fazer mal ao gênero humano e perder as almas. Pelo mesmo Cristo Nosso Senhor. Amém.

EXORCISMO

Nós te exorcisamos, quem quer que sejas, espírito imundo, poder satânico, horda do inimigo infernal, legião, assembléia ou seita diabólica. Em nome e pelo poder de Jesus + Cristo Nosso Senhor, sê extirpado e expulso da Igreja de Deus, das almas criadas à imagem de Deus e resgatadas pelo Sangue Precioso do Cordeiro Divino +. Não ouses mais, pérfida serpente, enganar o gênero humano, perseguir a Igreja de Deus, atormentar e joeirar como o trigo os eleitos de Deus +. Ordena-te o Deus Altíssimo +, a Quem em tua grande soberba pretendes ainda te igualar; e que quer que todos os homens se salvem e cheguem ao conhecimento da verdade.

Ordena-te Deus Padre +; ordena-te Deus Filho +; ordena-te Deus Espírito Santo +. Ordena-te a majestade de Cristo, Verbo eterno de Deus feito carne +, que para salvar nossa raça perdida por teu ódio Se humilhou a Si mesmo, fazendo-se obediente até a morte; que edificou sua Igreja sobre a rocha firme, e decretou que as portas do inferno nunca prevalecerão contra Ela, porque permanecerá com Ela todos os dias, até a consumação dos séculos.

Ordena-te a virtude oculta da Cruz + e o poder de todos os mistérios da Fé cristã + . Ordena-te a gloriosa Virgem Maria, Mãe de Deus +, que em sua humildade esmagou desde o primeiro instante de sua conceição imaculada, tua cabeça cheia de soberba. Ordena-te a fé dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo e dos outros Apóstolos + . Ordena-te o sangue dos mártires e a piedosa intercessão de todos os santos e santas.

Assim, pois, dragão maldito e toda legião diabólica, nós te conjuramos pelo Deus + vivo, pelo Deus + verdadeiro, pelo Deus + santo, por Deus que amou o mundo a ponto de entregar seu Filho Unigênito, a fim de quantos creiam nEle não pereçam mas tenham a vida eterna: cessa de enganar as criaturas humanas, e de lhes oferecer o veneno da perdição eterna; cessa de fazer mal à Igreja e de armar laços à sua liberdade.

Vai-te, satanás, inventor e mestre de toda mentira, inimigo da salvação dos homens, Dá lugar a Cristo, em Quem nada encontraste de tuas obras.

Dá lugar à Igreja, una, santa, católica e apostólica que o próprio Cristo adquiriu com seu sangue. Abaixa-te sob a mão poderosa de Deus, treme e foge à invocação que fazemos do santo e terrível Nome de Jesus, a Quem os infernos temem, a Quem estão sujeitas as Virtudes dos Céus e as Potestades e as Dominações; a Quem os Querubins e Serafins louvam num concer to sem fim, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor Deus dos exércitos.

Senhor, escutai minha oracão. E chegue até Vós o meu clamor.

OREMOS

Deus do Céu, Deus da Terra, Deus dos Anjos, Deus dos Arcanjos,

Deus dos Patriarcas, Deus dos Profetas, Deus dos Apóstolos, Deus dos Mártires, Deus dos confessores, Deus das Virgens, Deus que tendes o poder de dar a vida após a morte, o repouso após o trabalho, porque não há outro Deus alem de Vos, e não pode haver outro senão Vós, o Criador de todas as coisas visíveis e invisíveis, cujo Reino não terá fim: suplicamos humildemente à vossa gloriosa Majestade que se digne libertar-nos com seu poder e guardar-nos incólumes de todo domínio, laço, ardil e perversidade dos espíritos infernais. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.

Dos embustes do demônio, livrai-nos, Senhor.

Que vossa Igreja Vos sirva em tranqüila liberdade, nós Vos rogamos, ouví-nos.

Que Vos digneis confundir os inimigos da Santa Igreja, nós Vos rogamos, ouví-nos.

  • Este veio para preparar a Aparição de Maria, Mãe de Deus e nossa.
  • Depois, porém, no «Terceiro Segredo» da Mensagem de Fátima, o mesmo Anjo aparece para invocar forte: – Penitência, penitência, penitência! “ao lado esquerdo de Nossa Senhora um pouco mais alto um Anjo com uma espada de fôgo em a mão esquerda; ao centilar, despedia chamas que parecia iam encendiar o mundo”. Não fora a intercessão de Maria quem sabe se isto já não teria ocorrido.

Este espaço é breve demais e minha habilidade insuficiente para descrever tudo o que a imaginação dos católicos deve deduzir desse evento centenário. Porque então, quer dizer que Portugal tem um seu Anjo e muito especial, na verdade o maior dos Arcanjos! Quem se deu ao trabalho no passado de apurar a questão do ponto de vista histórico, ficou atónico ao concluir que devia tratar-se nada menos que de São Miguel Arcanjo.

Se isto já se podia entender antes, à luz do culto a São Miguel na História de Portugal, o que dizer no presente com a leitura do «Terceiro Segredo»!

Se antes apareceu com vulto misterioso e depois como um formoso jovem sem asas nem couraça; sem espada nem ameaças, para não assustar os Pastorinhos, aos quais só vinha pedir fé, esperança e amor; na Mensagem, ao contrário, vem como braço da Justiça divina que demanda penitência pelos graves pecados, corrupções, guerras e massacres, com que os homens cobrem a Terra de horrores.

Aqui já tocamos uma dimensão de castigo universal de tal importância que, embora não se possa nem deva nunca esquecer, neste breve escrito só posso deixar para a meditação das consciências. O que me limito a lembrar, para concluir, é que os santuários dedicados em todo o mundo às manifestações de São Miguel para o bem dos homens e a defesa da Igreja, são monumentos de arte magníficos e renomados que, desde há muito recebem milhares de visitantes.

Assim sendo, posso não lembrar que também Aljustrel onde o Anjo apareceu para preparar os futuros Aparecimnentos de Nossa Senhora, merecia mais atenção e respeito pelo que representa na história da Igreja e do mundo em nossos dias?

São Miguel Arcanjo, protegei-nos nesse combate!

Deve-se continuar com este exorcismo de Leão XIII até o triunfo final. 

Pode não ser São Miguel que aparece na visão do «Terceiro Segredo de Fátima»?

Salve Maria puríssima!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

AMOR DE LA VERDAD

que preserva de las seducciones del error” (II Tesal. II-10).

Pro Roma Mariana

Fátima e a Paixão da Igreja

Radio Spada

Radio Spada - Tagliente ma puntuale

Catholic Pictures

Handmaid of Hallowedground

Hallowedground

Traditional Catholic Visualism

Acies Ordinata

"Por fim, meu Imaculado Coração triunfará"

RADIO CRISTIANDAD

La Voz de la Tradición Católica

%d blogueiros gostam disto: